3 métricas que todo empreendedor deve conhecer

Tempo de leitura: 3 minutos

Quer começar um negócio próprio na internet,  mas ainda não tem os conhecimentos necessários para tirar sua ideia do papel? Pensando em pessoas como você, compartilhamos vários textos aqui no blog contendo dicas para empreender no mercado digital.

No post de hoje vamos falar sobre as métricas financeiras que você precisa acompanhar de perto para avaliar a saúde do seu empreendimento. Tem dúvidas sobre o tema? Continue lendo esse post!

Por que métricas são importantes?  

Antes de falar sobre cada métrica separadamente é preciso entender porque medir seus resultados é tão importante, principalmente em negócios que estão começando. O que não é medido não pode ser melhorado! As métricas são fundamentais para nortear seus próximos passos, pois determinam se as ações que você está implementando trazem resultados.

Imagine um empreendedor que criou uma startup para babás de cachorro, que disponibiliza pessoas que cobram por esse serviço e as coloca em contato com possíveis clientes. Nos primeiros meses ele obtém muitos cadastros de profissionais, mas poucas pessoas que realmente contratam o serviço e, por isso, acabou perdendo dinheiro.

Pode ser que poucas pessoas conheçam o aplicativo, pode ser que os usuários cheguem a pesquisar, mas achem os preços altos, entre outros fatores.  Se ele não medir os itens que falaremos a seguir, fica impossível saber se a ideia do aplicativo vingará a longo prazo.

Vamos a eles?  

ROI

Se você está começando a pesquisar sobre o mercado digital, com certeza já ouviu essa palavra em algum lugar. O ROI sigla em inglês para “return of investiment”, e do português “retorno sobre o Investimento”, é a métrica que expressa a relação entre o valor investido em um negócio e o valor obtido em retorno.

Para calcular o ROI você subtrai o valor total do investimento do valor obtido e divide esse total pelo valor do investimento novamente: (valor obtido de lucro – valor total do investimento) / Valor do investimento    

CAC

Mais uma sigla pra ficar de olho o CAC (Custo de aquisição de cliente) indica quanto que a empresa gasta para adquirir um novo consumidor, seja com ações de marketing, vendas ou com os salários da equipe.

Em negócios bem sucedidos o custo de aquisição de novos clientes deve equiparar-se com a receita gerada pelos novos consumidores que entraram. Parece complicado, mas na verdade é simples. Anote a fórmula:

CAC = Despesas + investimentos em marketing e vendas / Número de novos clientes em um período.

Ticket médio

O ticket médio mostra o valor médio que cada cliente gasta com seus produtos ou serviços durante determinado período. Em um e-commerce essa métrica é muito útil para identificar se suas estratégias de vendas estão dando certo. Se o ticket médio está muito baixo significa que é preciso oferecer condições de compra mais atraentes ou até mesmo promoções.

O interessante é que o ticket médio seja calculado mês a mês para identificar as causas das oscilações. Meses como fevereiro são mais fracos em vendas dependendo do serviço que você oferece, o que é normal devido aos feriados.

Ticket médio = Receita gerada / Número de clientes adquiridos.

Medir para melhorar

É claro que existem outras métricas que empreendedores devem ficar de olho, mas do ponto de vista de receitas e de vendas estas são as principais. Se você está começando seu negócio agora pode pedir opiniões de especialistas no assunto para entender melhor suas métricas. Saiba que existem ferramentas gratuitas e até mesmo consultorias específicas para te ajudar nesta tarefa.  

Espero que este conteúdo seja útil para você. Ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão de assunto que gostaria de ver por aqui? Conta pra gente nos comentários!

 

Sobre Media Labs

Media Labs é formado por um grupo de profissionais apaixonados por internet que já vivenciou todo o tipo de aventura que você pode imaginar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *